“Distribuição de alimentos na cracolândia só ajuda crime”, diz Janaina Paschoal


source
Janaina Paschoal, deputada estadual pelo PSL, atacou o padre Júlio Lancelotti no Twitter neste sábado
Sérgio Galdino

Janaina Paschoal, deputada estadual pelo PSL, atacou o padre Júlio Lancelotti no Twitter neste sábado

A deputada estadual Janaina Paschoal (PSL), advogada responsável por elaborar o parecer que embasou o impeachment da ex-presidente Dilma Rousseff (PT), atacou o padre Júlio Lancelotti em rede social neste sábado (7) após ele denunciar que a Polícia Militar de São Paulo estava intimidando voluntários que distribuem comida na região, impedindo o acesso de pessoas necessitadas.

Segundo Janaina Paschoal, “As pessoas que moram e trabalham naquela região já não aguentam mais. O Padre e os voluntários ajudariam se convencessem seus assistidos a se tratarem e irem para os abrigos. A distribuição de alimentos na Cracolândia só ajuda o crime”.

O padre Júlio Lancelotti vem denunciando nos últimos meses o que chama de “crise humanitária” em São Paulo, mostrando e ajudando milhares de pessoas em situação de rua e em vulnerabilidade, especialmente em um momento de pandemia em que a recomendação é que as pessoas fiquem em casa quando puderem.

Desconsiderando todo esse trabalho social, Janaina Paschoal defendeu que não se deve dar comida na região da cracolândia para não ajudar o crime. Neste sábado, a deputada estadual também criticou o prefeito da capital paulista, Ricardo Nunes (MDB) por decidir punir servidores públicos que não se vacinarem contra a Covid-19. “Uma pessoa adulta NÃO pode ser submetida a nenhum procedimento contra sua vontade! Meu Pai, que decepção!”, escreveu.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *